UPA de Jales aumenta número de leitos de enfermaria e readequa espaço para atendimento da Covid-19

220321100845.jpg
O CONSIRJ reorganizou o atendimento da UPA 24 Horas e também aumentou de quatro para onze o número de leitos de enfermaria da unidade

Com o crescente aumento dos casos de Covid-19 no município e em todo o estado, o CONSIRJ - Consórcio Público Intermunicipal de Saúde da Região de Jales reorganizou a estrutura da UPA 24 Horas (Unidade de Pronto Atendimento) para melhorar o atendimento dos pacientes e também aumentou de quatro para onze o número de leitos de enfermaria da unidade.

Com as mudanças, o paciente que chegar à UPA deve se dirigir a estrutura externa anexa à unidade onde passará por uma triagem. As pessoas com sintomas de gripe estão sendo encaminhadas ao espaço interno da unidade, que foi reorganizado para atender o intenso fluxo de pacientes. Já as pessoas que apresentam outros sintomas estão sendo atendidas em um espaço externo, anexo ao prédio, que continuará funcionando para fazer frente à demanda.

Além dessas readequações e do aumento do número de leitos, o diretor administrativo da UPA, José Roberto Pietrobom, informou que a unidade está adquirindo mais dois monitores cardíacos. “Atualmente temos quatro respiradores, quatro monitores cardíacos e quatro bombas de infusão e estamos adquirindo mais equipamentos para assistir os pacientes com sintomas mais graves até que eles consigam ser transferidos para algum hospital através da regulação do Estado”.  

De acordo com o prefeito e presidente do Consirj, Luís Henrique Moreira, essas mudanças se fizeram necessárias frente à situação que o município e toda a região vêm enfrentando de aumento no número de casos de Covid-19. “Com esta medida, estamos ampliando nossa capacidade de pronto-atendimento para pessoas com sintomas gripais. Agradeço ao diretor José Roberto Pietrobom e toda a equipe de profissionais da UPA que não tem medido esforços para salvar vidas e por todas as mudanças necessárias neste momento tão difícil”.

A unidade ainda reforça a população que, caso apresente sintomas gripais, também procure as Unidades Básicas de Saúde (UBS) para que seja atendida e apenas procure a UPA em caso de necessidade. “É muito importante que todos tenham consciência, neste momento, e utilizem os serviços de acordo com suas reais necessidades”, reforçou Pietrobom.

 

Deixe um comentário