Treino Solidário de Karatê arrecadou alimentos para o Fundo Social

030418105412.jpg
O primeiro Treino Solidário de Karatê arrecadou leite e alimentos não perecíveis que foram doados ao Fundo Social de Solidariedade de Jales

 

Karatecas de Jales e região prestigiaram o 1º Treino Solidário de Karatê que aconteceu na manhã do sábado, dia 24 de março, no Ginásio Municipal de Esportes Dr. Waldemar Lopes Ferraz. Para se inscrever, os atletas doaram caixinhas de leite ou um quilo de alimento não perecível para colaborar com o Fundo Social de Solidariedade. A Prefeitura de Jales, por meio da Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo, apoiou o Treino.

O evento, organizado pela Team Resende de Jales, do professor sensei Edson de Freitas Resende, contou com aproximadamente 70 praticantes da modalidade. O Ginásio de Esportes recebeu representantes de Jales, Urânia, Estrela d’Oeste, Santa Salete e Palmeira d’ Oeste.

Foram arrecadados cerca de 80 Kg de alimentos não perecíveis. A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Jales, Glauciane Ponte Helena Franco, agradeceu a iniciativa e o emprenho do sensei Edson Resende e de todos que abraçaram a causa, participaram do evento esportivo e doaram alimentos ao Fundo Social. “Quero agradecer a colaboração de todos. Precisei viajar a São Paulo para participar do Lançamento Estadual da Campanha do Agasalho 2018, na presença da primeira-dama do Estado, Lu Alckmin e, infelizmente não tive a oportunidade de participar do Treino Solidário de Karatê, mas sei do esforço e engajamento de todos. Vocês estão de parabéns, recebam o nosso muito obrigado”.

Sensei Edson lembrou mais uma vez que o karatê tornou-se um esporte olímpico e somente com a participação em competições, atletas poderão iniciar a trajetória para ingressarem na Seleção Brasileira e poder, quem sabe, disputar uma Olimpíada.

Edson lembra sempre que o karatê também está de braços abertos àqueles que desejam apenas praticarem um esporte para condicionamento físico, mental e espiritual, sem a participação em competições convidando os interessados a lhe procurarem para uma aula experimental. Maiores informações podem ser obtidas pelo telefone (17) 99774-9706.

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados