Projeto cultural leva poesia para as salas de aulas de Urânia

110918111251.jpg
O projeto tem o objetivo de estimular o hábito da leitura e escrita

 

Um importante projeto cultural está sendo desenvolvido pela ativista cultural, Marilene Pacheco Teubner, com as crianças das escolas do município. Trata-se do 1º Concurso de Poesia de Urânia “Brincando com as Palavras”.

O projeto tem o objetivo de estimular o hábito da leitura e escrita através da poética da escritora Liz Rabello que estará presente, juntamente com outros escritores no 2º Festival Literário de Urânia, onde os alunos terão a oportunidade de conhecer a autora do livro e outros escritores da Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro.

De acordo com a idealizadora do projeto, Marilene Pacheco, através de palavras rimadas os alunos estão criando os seus primeiros versos e todo o material será enviado para a banca julgadora da Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro para a escolha dos finalistas.

Os trabalhos poéticos serão expostos em forma de “varal literário” nos dias 21 e 22 de setembro na segunda edição do Festival Literário de Urânia. Todos os participantes receberão certificado de honra ao mérito e os três primeiros colocados de cada escola receberão medalhas e livros como forma de incentivo.

Vale destacar que a Academia Nacional de Letras do Portal do Poeta Brasileiro estará representada no 2º FLIU pela presidente Aline Romariz, pela acadêmica Marilene Pacheco, entre outros escritores.

O 1º Concurso de Poesia de Urânia “Brincando com as Palavras” tem o apoio da Prefeitura Municipal, Secretaria Municipal de Educação e Diretoria de Ensino Região de Jales.

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados