Luau reuniu milhares de fiéis para refletir sobre o tema “Despertas tu que dormes”

241017094552.jpg
Orações e música marcaram a terceira edição do Luau com Cristo promovido pela Renovação Carismática Católica

 

A Renovação Carismática Católica do Setor Pastoral de Santa Fé do Sul, que pertence a Diocese de Jales, realizou no último dia 14 de outubro, a terceira edição do Luau com Cristo. O evento abordou o tema “Desperta Tu Que Dormes” e reuniu milhares de fiéis no Centro do Professorado Paulista de Rubinéia. Adultos, jovens e crianças marcaram presença.

A abertura do Luau foi feita pelo missionário Igor Sant’Ana, de Jales. Após o Terço da Misericórdia, a palavra foi dada ao missionário Paulinho Ribeiro, de São José do Rio Preto.

As crianças tiveram momentos de fé e diversão no Luau Kids. “Eles puderam se divertir e aprender um pouco mais sobre Jesus”, contou Edivaldo Mella Janasco, assessor de comunicação da Diocese de Jales.

Segundo os organizadores, foi uma tarde de bênçãos derramadas, principalmente pela Mãe de Deus, Maria, que intercedeu a todo o tempo. Em razão do Ano Nacional Mariano, os organizadores preparam um momento mariano, onde uma jovem vestida de Maria, conduziu o povo até a Santa Missa, presidida pelo Padre Edevaldo Furlaneto.

À noite, muitas orações e música, marcaram o Luau, conduzida por Paulinho Ribeiro e Comunidade Católica Colo de Deus.

“O evento foi muito positivo, aquilo que nós sonhávamos foi alcançado, que era fazer um momento de evangelização para as Famílias e para os Jovens, tudo aconteceu em sintonia com o tema, um despertar, um chamado a viver concretamente a vida cristã. Muitos já nos deram um feedback, com sugestões, apontamentos, e até indicações de nomes para o ano que vem”, contou Leandro Costa, um dos organizadores do evento.

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados