Internautas criticam Deley por sugerir retirada de semáforos da Avenida “Francisco Jalles”

150518104035.jpg
Segundo o vereador, a iniciativa teve o objetivo de levantar o problema e forçar a Secretaria de Planejamento e Trânsito a readequar o tempo

 

O vereador Vanderley Vieira dos Santos (PPS), o Deley, encaminhou um requerimento ao prefeito Flávio Prandi (DEM), aprovado na sessão de segunda-feira, 07, no qual está solicitando a retirada dos semáforos instalados no cruzamento da Avenida “Francisco Jalles” com a Rua 24, nas proximidades da Sabesp. No lugar dos semáforos, o vereador sugere que o prefeito mande instalar uma rotatória que, segundo seu entendimento, poderia representar uma solução mais satisfatória para o trânsito naquele cruzamento. “É um semáforo sem nenhuma utilização, que demora demais e na Rua 24 não há movimento. Há vários cruzamentos em Jales mais necessitados de semáforo. Eu peço para que o Conselho de Trânsito de Jales, junto com o prefeito, reveja esse contexto”, discursou na Câmara.

Em seu requerimento, Deley afirma que aqueles semáforos – desde que foram inaugurados, em abril de 2012, durante a administração Parini – têm causado mais transtornos do que facilidades e segurança para o trânsito no local. O vereador não explicou quais transtornos os semáforos estariam causando, o que levou alguns críticos a supor que ele estaria representando os interesses de moradores de dois quarteirões das ruas 11 e 22. O vereador negou, no entanto, essa versão. “Eu tomei essa iniciativa porque, há alguns dias, presenciei uma ambulância com uma pessoa muito doente tendo que esperar quase um minuto para o sinal abrir. Fiquei condoído com aquilo, pois um minuto poderia representar o tempo entre a vida e a morte para aquela pessoa”, explicou Deley ao jornal A Tribuna.

O vereador garantiu, ainda, que não deseja a retirada dos semáforos e que sua iniciativa teve o objetivo de levantar o problema e forçar a Secretaria de Planejamento e Trânsito a readequar o tempo de espera dos semáforos. “Na verdade, o que nós queremos é que se faça um estudo para diminuir o tempo que o sinal demora para abrir. Isso não deve ser algo tão difícil”, afirmou Deley.

De qualquer forma, a sugestão do vereador provocou reações negativas nas redes sociais. Um internauta disse que “esses semáforos estão ótimos, pois não vemos mais acidentes cotidianos por ali, como acontecia antes; o fluxo de veículos que trafegam naquela região, hoje em dia, é muito grande e o vereador deveria ter maior responsabilidade ao apontar sugestões desse tipo”.

Segundo outro internauta, existem outras mudanças que deveriam merecer prioridade. “O vereador poderia sugerir, por exemplo, uma mudança no comportamento da Câmara, dando mais transparência às votações, principalmente antes de votar aumentos no IPTU”. Um terceiro internauta afirmou que “francamente, passo por ali quase todos os dias e não vejo nenhum transtorno em esperar 40 ou 50 segundos para o sinal abrir”. Ele disse ainda que “se tal sugestão for aprovada e os faróis retirados, a Câmara será diretamente responsável pelo aumento no índice de acidentes e por cada vítima do trânsito naquele cruzamento”.

A instalação de uma rotatória também foi questionada pelos internautas. “O que está levando esse vereador a pensar que uma rotatória seria melhor do que um semáforo?”, perguntou um deles. “A sugestão de instalar uma rotatória não tem nenhuma lógica, pois não existe espaço para construir uma com largura suficiente. Os veículos mais compridos teriam que passar por cima da rotatória ao tentar contornar a mesma”, respondeu ele mesmo. Para o internauta, trânsito não é coisa para amadores. “Antes de dar palpites, seria melhor procurar a Polícia Militar para saber quantos acidentes ocorriam antes e depois da instalação dos semáforos”, concluiu.

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados