Golpistas voltam a usar o nome da Santa Casa para enganar as pessoas

181021092451.jpg
.

A Santa Casa de Misericórdia de Jales divulgou um alerta na tarde da última quinta-feira, 14, chamando a atenção da população em geral para um novo golpe. Pessoas ainda não identificadas estariam telefonando aleatoriamente para familiares de pacientes para pedir auxílio financeiro para a realização de exames ou algum tipo de complemento do tratamento de saúde. A doação seria feita através de transferência instantânea via PIX. Pelo menos um caso foi identificado e comunicado à polícia, que, entretanto, já estava ciente e investigando o fato. 

“Alguém teria ligado para uma família pedindo PIX para que pudesse ser realizado um exame. A família ligou para o hospital para confirmar e tomamos conhecimento disso. Acionamos a autoridade policial, que já estava ciente”, contou o administrador hospitalar, Rafael Carnaz Prado.

Até onde se sabe, ninguém chegou a ser lesado porque a família procurou o hospital para se certificar que o pedido era real e o hospital negou. 

O administrador não soube dizer se a possível vítima era de Jales, mas confirmou que a iminente vítima que recebeu a ligação do golpista tem paciente internado na Santa Casa e que alguém ligou dizendo que o paciente precisava de algum tipo de exame, como se fosse um representante da Santa Casa. 

O golpe é razoavelmente simples, mas demanda algumas informações privilegiadas, como, por exemplo, o nome e o contato da família do paciente internado. A polícia vai investigar se essas informações estão sendo fornecidas por alguém que tem acesso aos arquivos dos pacientes do hospital. 

A Nota Oficial distribuída pelo hospital confirma a informação de que o golpista se apresente como representante do hospital. “Golpistas se passam por colaboradores solicitando transferências via PIX para pagamento de exames a pacientes internados”.

“A Santa Casa de Jales não realiza ligações para solicitar pagamentos de exames para pacientes. Caso você receba esse tipo de ligação não efetue nenhum tipo de depósito.

Em caso de dúvidas entre em contato com o Hospital pelo telefone

(17) 3622-5000 ou com a Central de Polícia Judiciaria, (17) 3632-9000”, alerta.

CONFIRA A NOTA OFICIAL

A Santa Casa de Misericórdia de Jales alerta que estão sendo praticados golpes na cidade e região envolvendo o nome do hospital para transferências via PIX.

Algumas pessoas informaram que receberam telefonemas utilizando o nome da instituição, onde golpistas se passam por colaboradores solicitando transferências bancárias via PIX, para pagamento de exames a pacientes internados.

A Santa Casa de Jales não realiza ligações para solicitar pagamentos de exames para pacientes. Caso você receba esse tipo de ligação não efetue nenhum tipo de depósito.

Em caso de dúvidas entre em contato com o Hospital pelo telefone (17) 3622-5000 ou com a Central de Polícia Judiciaria, (17) 3632-9000.

Deixe um comentário