Em duas horas, Polícia prende dois traficantes na Vila União

190319103810.jpg
Parte da droga apreendida com V.R.C. e que foi furtada de dentro da viatura

A manhã de quarta-feira, 13 de março, foi movimentada pelos lados da Vila União. Em um intervalo de menos de duas horas, a Polícia Militar prendeu dois traficantes que atuavam em diferentes pontos de tráfico. Em um dos casos, os familiares do suspeito tentaram agredir os policiais e pegar, de dentro da viatura, as drogas apreendidas.

A primeira ocorrência foi registrada por volta das 8h30, na Rua Camilo Demétrio Izar, quando uma guarnição da PM realizava o patrulhamento ostensivo pela via e percebeu quando V.R.C., um conhecido traficante do bairro, se desfazer de uma sacola enquanto caminhava pela via. O indivíduo foi abordado e dentro da sacola, os policiais encontraram seis porções de maconha, três de cocaína e duas de crack.

O homem foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e, no momento em que estava sendo imobilizado para ser levado para a Central de Polícia Judiciária, aconteceu uma segunda ocorrência.

Ao perceberem que ele seria conduzido para elaboração do flagrante de tráfico de drogas, a mãe, o irmão e alguns amigos dele partiram para cima dos policiais na tentativa de agredi-los.

Em meio ao tumulto, um indivíduo de iniciais W.B.G. subtraiu as drogas que já estavam no interior da viatura policial e correu, porem, foi perseguido e detido por policiais que estavam em outra viatura e tinham chegado para dar apoio à prisão.

O traficante, a sua mãe e o irmão, bem como o indivíduo que tentou fugir com as drogas, foram encaminhados à Central de Polícia Judiciária.

V.R.C. foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Já sua mãe e irmão responderão pelo crime de desacato, e W.B.G. pelo crime de favorecimento pessoal (artigo 348 do CP – “Auxiliar a subtrair-se à ação de autoridade pública autor de crime a que é cominada pena de reclusão”). Ambos foram liberados após serem ouvidos.

DEJAVÚ

A segunda ocorrência aconteceu duas horas depois e mais parece uma repetição da primeira. Por volta de 10 horas, outra viatura voltou a fazer o patrulhamento pelas proximidades de onde tinha ocorrido o tumulto anterior.

Na Rua Camilo Demétrio Izar (mesma onde aconteceu o primeiro caso), os PMs avistaram S.L.A. dispensando uma grande pedra de crack. Como o indivíduo já era conhecido dos policiais por conta de outras ocorrências de tráfico de drogas, ele foi abordado e revistado. Com ele foi encontrada a quantia de R$ 2,00. O criminoso foi encaminhado à Central de Polícia Judiciária juntamente com a pedra de crack.

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados