Comércio jalesense ainda não entrou no clima de Copa do Mundo

060618093443.jpg
Nesta semana, já era possível encontrar lojas vendendo produtos relacionados à Copa do Mundo

 

Mais do que um evento esportivo, a Copa do Mundo mexe com as emoções dos brasileiros e apresenta grandes oportunidades de venda principalmente para o comércio, mas, a apenas duas semanas da estreia do Brasil – marcada para o domingo, 17 de junho, contra a Suiça - os comerciantes jalesenses, talvez ressabiados com os prejuízos provocados pela greve dos caminhoneiros, não parecem muito animados em decorar suas lojas com motivos relacionados ao campeonato mundial de seleções. Não fosse pelos colecionadores de figurinhas que se reúnem nas bancas de jornais para trocar as estampas repetidas, quem andou pelas ruas do centro durante a semana não viu quase nenhuma alusão à seleção brasileira ou à Copa do Mundo.

No centro da cidade, a sócia de uma loja de artigos esportivos tenta encontrar uma explicação para a falta de clima de Copa do Mundo. “Não sei se é a crise econômica, a greve dos caminhoneiros, ou os 7 a 1 da Alemanha, mas, realmente, as pessoas não parecem muito interessadas na Copa do Mundo. Aqui na nossa loja, por exemplo, nós estamos distribuindo a tabela do Mundial como brinde para nossos clientes, mas já tivemos casos de pessoas que simplesmente dispensam o brinde e dizem que não querem saber de Copa”, diz a comerciante.

Ela explicou, também, que “na Copa de 2014, nós enfeitamos a loja com motivos verde-amarelos, mas neste ano iremos apenas expor algumas camisetas da seleção nas vitrines e, além disso, vamos usar roupa verde-amarela nos dias dos jogos do Brasil”. A comerciante acredita, porém, que esse baixo astral deverá ser jogado pra escanteio assim que a seleção brasileira entrar em campo. “Eu acho que o Tite está fazendo um bom trabalho e, se o Brasil estrear com uma vitória, a confiança e o entusiasmo dos torcedores brasileiros reaparece rapidinho”.

A poucos metros dali, em uma relojoaria que chamou a atenção durante a Copa de 2014 por conta da decoração exibida naquele Mundial, um dos funcionários disse que “até agora o patrão não falou nada sobre decoração para a Copa. Acho que neste ano ele vai investir, no máximo, em algumas camisetas amarelas pra gente trabalhar”. O funcionário ressaltou, no entanto, que entende a posição do patrão, uma vez que a situação é diferente. “Em 2014, a Copa era aqui no Brasil e o país ainda não estava em situação tão ruim. Agora, a Copa é na Rússia e os brasileiros parecem mais preocupados com a crise econômica e política e com os escândalos de corrupção”, pontuou o funcionário.

ACIJ divulga horários do comércio nos jogos do Brasil

A Associação Comercial e Industrial de Jales (ACIJ) já enviou aos seus associados, um memorando com os horários especiais para o funcionamento do comércio jalesense nos dias em que a seleção brasileira entrar em campo na Copa do Mundo da Rússia. Os horários foram definidos de comum acordo pelo Sincomércio, presidido pelo Alexandre Rensi, e o Sindicato dos Comerciários, presidido pela Maria Ramirez. O Brasil estreia em um domingo (17/06), contra a Suiça, mas o segundo jogo, contra a Costa Rica, está marcado para uma sexta-feira (22/06), às 09:00 horas da manhã. Nesse dia, o nosso comércio abrirá suas portas às 12:00 horas e funcionará até as 18:15 horas.

Já o terceiro jogo do time do técnico Tite acontecerá em uma quarta-feira (27/06), com início às 15:00 horas. Nesse dia, o comércio estará aberto entre as 08:00 e as 14:30 horas. A ACIJ divulgou, também, os horários para as oitavas e quartas de final – caso o Brasil se classifique para essas fases – mas referidos horários dependerão da colocação (1° ou 2° lugar) da nossa seleção. E caso o Brasil chegue à semifinal, quando poderá jogar em uma terça-feira (10/07) ou em uma quarta (11/07), às 15:00 horas, nosso comércio funcionará das 08:00 às 14:30 horas. Se o Brasil tiver que disputar o terceiro lugar, o jogo acontecerá num sábado (14/07), às 11:00 horas, mas nesse caso não haverá horário especial no comércio, pois os brasileiros já terão perdido o interesse na Copa.     

Deixe um comentário

Parceiros

050315164829.jpg
050315165005.jpg
050315163746.jpg
050315172328.jpg
050315171824.jpg

Colunistas

Últimas Notícias

A Tribuna TV

Enquete

Para combater o mosquito que transmite Zika,Dengue e Chikungunya, os agentes de saúde devem ou não entrar nos locais com suspeita de foco mesmo sem a autorização do proprietário?



Resultados